Poluição aumenta risco de hipertensão, aponta estudo - Notícias - Qualidade de Vida - Nordeste Agora
Twiter Nordesteagora Facebook Nordesteagora RSS Nordesteagora

Poluição aumenta risco de hipertensão, aponta estudo

04 nov 2016

| 09h44 | Qualidade de Vida
Divulgação

A poluição do ambiente, incluindo a sonora e do ar, não é apenas incômoda. Muitas alergias são ocasionadas pelas partículas de fuligem que ficam suspensar no ar e o barulho constante da cidade podem gerar estresse, de acordo com jornal Zero Hora.
Agora, um estudo recente vem corroborar os malefícios da poluição do ar e sonora, e aponta que este tipo de poluição aumenta o risco de desenvolver hipertensão arterial. A pesquisa foi realizada pela Universidade Heinrich Heine de Dusseldorf, na Alemanha, com mais de 41.071 moradores da Noruega, Suécia, Dinamarca, Alemanha e Espanha por cinco a nove anos. Publicado na revista médica European Heart Journal, o estudo revela que o risco é semelhante ao de estar acima do peso, com índice de massa corporal (IMC) de 25-30.

A pesquisa revelou que um adulto a mais por grupo de 100 pessoas, que viviam nas partes mais poluídas da cidade, desenvolveram pressão alta quando comparados aos grupos que moravam em locais com ar e ambiente mais puro.

De acordo com o estudo, a cada aumento de 5 microgramas da menor dessas partículas no ar aumentou em 20% o risco de hipertensão de quem vivia nas áreas mais poluídas. Vale ressaltar que nenhum dos voluntários tinha hipertensão quando começou o estudo. Ao todo, 15% das pessoas desenvolveram a doença ou começaram a tomar remédios para baixar a pressão.

No caso do excesso de barulho, os cientistas descobriram que quem vive em ruas barulhentas apresentam um risco 6% maior de desenvolver hipertensão quando comparados a moradores que vivem em locais com menos 20% de ruídos.

Os cientistas acreditam que a poluição do ar afeta o corpo causando inflamações e um maior acúmulo de radicais livres (o estresse oxidativo) e desequilíbrio no sistema nervoso. Já a poluição sonora afeta o funcionamento nervoso central.

"Nossos resultados mostram que a exposição a longo prazo à poluição ambiental particulada está associada a uma maior incidência de hipertensão autodeclarada", disse Barbara Hoffmann, autora do estudo juntamente com outros 33 cientistas.


Fonte: Notícias ao Minuto.

Leia mais...

« Anterior  1  2 3 4 5 6 ... Próxima » 

Loterias

http://classifeira.com
Quarta
Aguaceiros frascos
29°  26° 
Humidade:76%
Quinta
Céu geralmente limpo
30°  26° 
Humidade:75%
Sexta
Aguaceiros frascos
29°  26° 
Humidade:75%
tempo.pt   +info
Nordesteagora
Lince Web - Soluções Inteligentes
© Copyright 2012 - 2019. Nordeste Agora.